Passos para a Espiritualização

Passado o Stress de troca de casa… Mudei de uma casa maravilhosa mas distante. Para uma
super bem localizada, mas não com o mesmo espaço de inicialmente… Não tenho mais terraço ou sala… Mas continuo com meu quartinho… mesmo que seja com uma cama de solteiro… Parecia tão pequeninha de início, depois de tanto tempo dormindo em cama de casal.

 

O pessoal do apartamento parece ser muito simpático. Somos em quatro. Cada um com seu quarto. São dois quartos grande, o meu médio e um pequeno. São três italianos e eu, ítalo-brasiliano. Um de Nápole, outro de Lecce outro Calabrese… Um programador, um engenheiro e um estudante de direção teatral. Ao menos são simpáticos e aparentemente limpos. Ao menos um deles é muito limpo, no sentido de querer organizar as limpezas e se preocupar com essas coisas. Tendo um pra controlar já é suficiente, porque, mesmo adorando as coisas limpas, detesto ficar cobrando quem deve limpar o banheiro da próxima vez…

 

A casa não tem internet ainda… Por isso não pude publicar antes… Mas logo já colocamos… Estamos vendo o melhor plano disponível.

 

O resto ta tudo indo relativamente bem. Estou começando a pensar na próxima cidade. Por enquanto ainda Roma. Por mais que eu já esteja gostando muito, já fiz um grupo de amigos e começo a me sentir um verdadeiro habitante da cidade, Itália não me parece um lugar pra morar por tantíssimo tempo. Queria viajar um pouco mais pela Europa antes de trocar de continente… Ainda falta conhecer Portugal, Grécia, Áustria, Noruega, Finlândia, Dinamarca e todo o leste… Sem contar com Egito, Marrocos… E New York também estava nos meus planos… Acabou que esse ano viajei muito pouco. Comecei a trabalhar muito tarde, varias coisinhas fizeram eu gastar rios de dinheiro e acabei não economizando pras viagens… Deu pra conhecer um poquinho de coisa, mas muito pouco…

 

A idéia agora é Austrália. Sidney ou Melbourne… Tava planejando em conhecer aquela parte do mundo agora. Tailândia, China, Japão, Índia… To meio fascinado por
aquela parte do mundo sei lá. Desde que eu fui pra Budapeste, que era somente pouco diferente do ocidente já me maravilhou. Por isso comecei a pensar seriamente no oriente… Toda uma cultura tão desconhecida por mim… Mas
independente falta ainda economizar um bom dinheiro pra ir pra lá. Bem porque agora to na pindaíba total… Naquelas que ganha um salário pensando no outro já… Sabe? Mas tudo bem… Esperamos que tudo se resolva logo. Independente a idéia era viajar em cerca de seis meses… ou no máximo um ano (caso resolva conhecer alguns dos países listados primeireiramente).

 

Quando vim pra Europa, pensava em ir pra Barcelona, depois de Roma… Mas acho que estou meio cansado pra começar a aprender uma nova língua cada ano e meio. No trabalho o pessoal tece planos pra ir pra Amsterdam… Minha cidade favorita… Como era linda… Mas eu tenho um pouco medo do frio, do tempo, do escuro, de tudo… Agora que me reabituei com o sol, calor, praia perto… e sei que são as coisas que me fazem adorar Roma. Eu tava de camiseta falando com André, que dizia que já tava nevando em Londres. Pequenas coisas que mudam a qualidade de vida do ser vivo… Se é uma coisa que eu preciso é luz… Adoro sol, adoro lâmpada de 100W adoro quarto com varanda, adoro porta de correr, dormir de janelas aberta… E preciso de tudo isso pra sobreviver…. Sem isso penso que começo a adoecer, sem nem entender porque.

 

Acho que era isso. Tenho me dedicado bastante na minha nova caminhada espiritual. O primeiro passo é a alimentação. Só se pode comer alimentos “puros”. O que significa cortar do cardápio uma serie de coisas: carne, peixe, ovo, fungos, cebola, alho, cafeína, teína e chocolate, drogas… e álcool (meu ultimo desafio, vez ou outra ainda bebo). No começo me parecia dificílimo, principalmente porque eu comia carne, alho, cebola, em todas as refeições, nem que fosse uma fatia de presunto… Ou ao menos alguns ovos com bacon… Toda essa cultura hiperproteica. Todo mundo diz… E as proteínas? Sem saber que existem proteínas
em tudo… que queijo, leite, soja, feijão, lentilha… brócolis, couve-flor… e tantas outras coisas são riquíssimos em proteína… sem contar que precisamos de uma quantidade pequena diária. Mas fui fazendo metas…. Primeiro carnes,
depois alho e cebola, café e chocolate nunca consumi muito, mas chá foi triste desistir da minha bebida favorita, Ice Tea Lipton… Pensei que seria pior desistir da cebola, mas descobri mil gostos nas coisas, que antes era sempre um
pouco roubado por ela e pelo alho. Diminui muito com o álcool, quase que completamente. E essa semana, agora que já faz cerca de seis meses, foi a vez do peixe e fungos… Agora só falta o álcool. Sabe que tudo isso trás toda uma
aventura pra vida. Pequenas mudanças de hábito que se refletem em todas as outras áreas. É como uma auto analise. Um desafio que nos submetemos pra ver se conseguimos nos adaptar a uma coisa melhor.

 

O fato de mudar a alimentação muda toda a vida, pele, humor, ansiedade, tudo… Ficamos muito mais dispostos, cheios de energia… Sem precisar digerir toda aquela carne putrefante… Parece papo de vegetariano… mas é muito verdade. Dormimos menos e melhor.

 

São os passos para a espiritualização. Depois é repetir 16 voltas de 108 vezes o mantra…

Hare Krishna Hare Krishna

Krishna Krishn Hare Hare

Hare Rama Hare Rama

Rama Rama Hare Hare

 

Mas claro que dessa meta ainda estou muito longe. Faço um bom número, mas não passo de 3 voltas acho ou talvez nem 1. Ainda não conto. Esse é o próximo passo, começar a
contar…

 

Acho q por hoje era mais ou menos isso. Se quiserem começar o desafio recomendo. Me contem como vai andando.

 

Hare Krisna

 

 

 

Anúncios