O Tempo nao para

Finalmente o inverno passou. Nao q a temperatura tenha mudado radicalmente, mas ao menos saindo so de casaco e jeans ja da pra sobreviver. Primavera chegou e com ela o horario de verao… nesse domingo. Os dias comecaram a ficar mais longos. Eh ate estranho, nos desacostumamos a ver o sol. Nao q nao viamos, mas em dezembro/ janeiro estava anoitecendo pelas 3.30 ou 4 horas. Ou seja, o dia mal comecava e ja era noite. Agora q o por do sol voltou a ser pelas 7 agente ate estranha, parece q o tempo nao passa, o dia nao acaba nunca… hehehe…
 
A saudade as vezes bate forte. Saudade de casa, da familia, dos amigos, da cidade, do mar, da praia… Mas acho q agora q as estacoes tao mudando tudo comeca a melhorar. Ao menos da mais vontade de andar pela cidade novamente e ver tudo. Mas ao mesmo tempo da uma preguica, parece q ja vimos tudo, ja conhecemos tudo. Mas isso eh obvio q nao. Toda vez q ando vejo coisas diferentes. Na real preciso comprar um guia so de Londres q o meu eh da europa toda e Londres tem so 20 paginas e acho q ja vi tudo. Tambem tenho q comecar a viajar pras cidades vizinhas: Oxford, Manchester, Bath, Greenwish… ficar no meio do mundo, um pe de cada lado do globo. Obvio q tenho q fazer isso e eh aqui do ladinho. O saco q acabo nao combinando com ninguem de fazer essas coisas, quem tem tempo nao tem dinheiro ou o contrario… Sei la…
 
Muitas coisas q sabia antes por escutar ou ler agora tenho vivenciado. Coisas boas e ruins. Eh estranho, engracado… As vezes triste… Mas eh isso ne…
 
To me sentindo meio estranho… Planejei tanto de vir pra ca, q agora q estou aqui nao sei o que fazer adiante. To meio perdido sem saber ao certo o que quero da vida. Se quero viajar, se quero voltar a trabalhar com design, se quero voltar pro Brasil ou morar aqui pra sempre. Completamente perdido. Talvez a situacao esteja tao estavel q da preguica de mudar sabe… Mas da vontade de fazer alguma coisa real, no sentido de influenciar a vida das pessoas. Criar coisas novas, novas ideias, sei la… Isso q da saudade de trabalhar com criacao, pq parece q de algum modo estamos alterando alguma coisa na vida das pessoas. Saimos na rua e vemos o nosso trabalho.
 
A… Lembrei…
 
 
To lendo um livro. Tuesday with Morris. Eh sobre dois caras, um rico e famoso e outro velho e morrendo q conversam sobre temas filosoficos. Eh bom, ajuda a pensar sobre coisas q realmente importam. Tipo amizade, amor, familia… No ultimo capitulo q li era sobre morte. Ele falava q so aprendendo a morrer q aprendemos a viver. Todo mundo sabe q vai morrer, mas no fundo ninguem acredita. Eh como se fosse mentira, nao temos isso como uma realidade imediata… Mas se tivessemos isso como uma certeza, e contassemos os dias como um dia a menos q temos talvez veriamos q temos q aproveita-los o maximo possivel, porque nao teremos eles de volta. E eh verdade… Ele diz q deveriamos estar preparados para morrer a qualquer momento e dizer: obrigado pelo tempo q tive, aproveitei tudo da melhor forma possivel, fiz tudo com todo meu coracao, com toda a minha energia, dei tudo de mim, conheci o mundo, pessoas, amor…
 
Porque agente nao tem essa energia sempre ne… Eh uma coisa q agente escolhe… Mas as vezes da uma preguica… Uma coisa chata… Ele tambem diz q deveriamos nos dar tempo pra curtir os sentimentos… Por exemplo… As vezes acordamos de mal humor, ou depre, tristes, decepcionados, com inveja, raiva, sei la qquer coisa… Entao deveriamos aproveitar esse sentimento, senti-lo… Mas depois de meia hora, por exemplo, deixar passar, pronto… agora dexa eu aproveitar outros sentimentos… Parece bom…
 
Eh engracado quando lemos a biografia de tantas pessoas famosas elas de uma hora pra outra mudam completamente suas vidas, mudam totalmente de area de atuacao e so entao ficam famosas… Nao q eu queira ficar famoso, na verdade essa eh a ultima de minhas pretencoes, talvez criar algo ou desenvolver algum trabalho q fique famoso, mas nao eu como individuo. Almejo ser bem sucedido, mas nao famoso. Falta de privacidade eh uma das coisas mais chatas…
 
Fui
Anúncios