Sempre infinito

Eh engracado como as coisas sempre parecem infinitas. Como se as sensacoes e situacoes que estamos vivendo no momento fossem continuar pro resto da eternidade. Como se a vida nao mudasse ou como se agente nao tivesse coragem de mudar.
 
Mudanca eh um dos principais assuntos enfatizados no momento. Temos q nos habituar a mudancas, eles dizem. Temos q nos habituar a tomar desafios, nos arriscar, jogar tudo pro ar e comecar tudo de novo.
 
Uma das perguntas q tem me vindo a cabeca nesses ultimos dias eh… Como sabemos que temos o melhor se nunca tivemos nada diferente… Esse foi um dos motivos que eu decidi vir pra Londres na verdade… Sair do modelo de vida pre-programado que eu estava vivendo, onde tudo parecia ser simplesmente uma inercia. Onde nada foi programado, tudo simplesmente foi acontecento. 
 
O principal ponto que nos faz desistir ou adiar a mudanca ate o inevitavel eh q sempre nos perguntamos:
 
E se eu tentar mudar e der errado?
 
E se for pior?
 
E se eu ficar pobre?
 
Sozinho?
 
Abandonado?
 
Claro q tudo sao hipoteses viaveis, ao menos em nossa cabeca. Como se a mudanca fosse infinita novamente e que nao poderiamos simplesmente mudar novamente.
 
Mas ao mesmo tempo uma hora temos q enfrenta-las ne… Eu to chegando a esse ponto agora… A realidade meia boca de trabalhar no restaurante ja esta me cansando um pouco. Por mais que as vezes faca good money, ao mesmo tempo parece q nao eh enoght anymore.
 
Mudando totalmente de assunto, porque tem mais a ver com permanecer q mudar… vou contar a novidade em primeira mao aqui, afinal nao falei pra ninguem q a decisao tinha sido tomada. Por mais que fosse obvio ::: Acabei de renovar meu curso por mais 15 meses. E no proximo mes vem a renovacao do visto.
 
Nesse ultimo album, na musica Jump, a Madonna canta que nao temos muita coisa a aprender em um unico lugar. E quanto mais tempo esperamos, mais tempo perdemos.
 
 
Acho q essa musica q esta me deixando meio aguniado. 
Por isso q tava me questionando sobre isso! Mudancas… Ao mesmo tempo q muitos me falam que eh muito dificil achar um lugar melhor pra trabalhar (ao menos nesse padrao de trabalho) como o lugar onde estou trabalhando, ao mesmo tempo me da vontade de arriscar. Procurar outros lugares, mais dinheiro, outros cargos. Sei la.. E ao mesmo tempo comeco a sentir falta do design… Mas ao mesmo tempo… sei la.. da medo…
 
Outra novidade eh q fui pra Irlanda visitar as meninas, Re e Fe… Tudo bem q choveu e nevou todos os dias… A nao ser por 5 minutos, ou talvez 10… q apareceu o sol. Mas ao mesmos aproveitei lugares e coisas que nao tem aqui em Londres, diferente de castelos e museus.Fui em fabrica de cerveja com 200 anos de historia, presidio abandonado onde as pessoas eram executadas e biblioteca com livros de iluminuras feitos por copistas… Detalhe,,, todas as paginas do livro eram de couro, lindissimo… Sem contar do San Patrick’s Festival que tava tendo tambem. No desfile, que passou na frente da janela do flat, teve uma ala brasileira, com samba enredo em portugues e bateria de carnaval. Tudo de bom. O detalhe eh q as mulatas tavam so de biquine e sandalia, num frio de zero graus. TUDO!!!
 
Tantos problemas pra resolver em uma semana mas tudo ja foi solucionado… Por isso me deu saudade do design: capacidade de criar solucoes imageticas para problemas de identidade. Resumo instantaneo da minha visao nesse segundo do design… hehehe…
 
Fui
Bjao
Anúncios